Skysurf

Skysurf

O ESPORTE

O skysurf é uma modalidade do paraquedismo que utiliza uma prancha em queda livre, a grande altura, realizando loopings (movimentos criculares) e acrobacias radicais.

A prancha fica presa aos pés do paraquedista permitindo realizar manobras. De acordo com as normas de segurança da CBPq (Confederação Brasileira de paraquedismo), somente paraquedistas com mais de 500 saltos podem começar a praticar skysurf. Devido à complexidade e aos riscos de saltos com prancha, são poucas as pessoas que praticam o skysurf, que é uma modalidade disputada por equipes, constituída por 2 atletas: o skysurfer e um câmera (cameraflyer).

Os atletas saltam de um avião, balão ou helicóptero a uma altura obrigatória de 4.000 metros em queda livre realizam uma série de acrobacias aéreas. O cameraman grava as manobras do skysurfer numa câmera de vídeo fixada ao capacete, mas também contribui com a sua performance artística e habilidade de voo, computando pontos individuais e influenciando na pontuação da equipe, num conjunto com a sintonia de movimentos que valem pontos extra que podem fazer toda a diferença no momento de decidir o vencedor.

O skysurfer salta com uma prancha especial, 50cm para os iniciantes e 1,5m para os mais avançados, que se encontra presa aos pés e à medida que vai descendo realiza uma série de movimentos de rotação, como curvas amplas de 360 graus, loopings e manobras radicais e geométricas. Os atletas têm apenas de 45 segundos para realizar a prova e abrir seu paraquedas. O tempo é calculado pela distância percorrida desde o momento do salto de 4.000 metros, até ao momento em que o paraquedas é aberto numa altura de 800 metros.

É uma modalidade que apresenta algumas características do snowboard, com as habilidades apreendidas do paraquedismo freestyle.

A experiência dos paraquedistas é um dos requisitos obrigatórios para a prática da modalidade. Este desporto radical requer muita autonomia e experiência, por isso é que esta atividade está reservada apenas aos paraquedistas que já realizaram mais de 200 saltos tradicionais.

COMPETIÇÕES

Campeonato do Mundial de SkySurf - Trata-se do maior evento a nível mundial no que ao skysurf diz respeito e é promovido pela Federação Aeronáutica Internacional (Fédération Aéronautique Internationale – FAI).

Campeonato da Europeu de Skysurf -  É uma prova desenvolvida pela FAI e é realizada a um nível europeu com o objetivo de encontrar os melhores praticantes da modalidade.

Campeonato do Mundial de Eventos Artísticos - Esta competição é organizada pela FAI e é considerada uma das provas rainha do paraquedismo para modalidades como o Skysurf, Freestyle e Freeflying.

Campeonato Europeu de Eventos Artísticos - É uma prova organizada pela FAI que visa eleger os melhores freeflyers, skysurfers e cameraflyers que atuam no continente europeu.

Taça do Mundo de SkySurf - É uma taça que reúne a presença de todos os paraquedistas que praticam o skysurf e visa eleger a melhor dupla.

Jogos Aéreos Mundiais - É um evento promovido pela FAI e revela-se como uma das competições mais populares do paraquedismo, onde estão presentes os praticantes das várias modalidades, como o skysurf, freestyle e freefly.

X-Games - Esta competição reúne um conjunto de várias modalidades radicais. Trata-se de um evento anual que é dividido em duas competições distintas: Winter X Games e Verão X Games.

HISTÓRIA 

O Sky Surf começou a ser praticado na década de 90, na França. A idéia era ficar em pé numa prancha e passear pelo céu e deu certo. A velocidade de queda chega a 260 quilômetros por hora e a descida dura 50 segundos. Antes de abrir o paraquedas, a prancha é desconectada por um botão na cintura do macacão.

O skysurf como modalidade desportiva foi reconhecido em 1996 pela FAI (Federação Aeronáutica Internacional).

Fonte:

Wikipedia (wilipedia.org)

Vertigens (vertigens.com)

Queda Livre Paraquedismo (quedalivreparaquedismo.com.br(

Fotos Recentes

Vídeos Recentes


Receba novidades